IV-BIAU - Brasil - Finalista - Museu de Microbiologia do Instituto Butantan

Archivo de las Bienales de Arquitectura

Museu de Microbiologia do Instituto Butantan




Finalista

Arquitectura

Nombre de la propuesta

Museu de Microbiologia do Instituto Butantan

Emplazamiento

São Paulo
Brasil

Resumen:

Estou estirado no Sofá troocando Compulsivamente de Canal. Paro por um momento na CNN, franco atirador mata dezenas de pessoas no tvMCDOnaldS de Pasadena. Na GloboNews gangues Cariocas Iançam granadas numa escola pública, assassinatos no SBT, guerras na BBC, seqüestros na RAI, eStupr0S na Record, afinal São 10:27 da noite do dia 27 de março do ano 2000. Toca o telefone. É o Dr. Isaías Ravv, o cientista. Ele me Convida para projetar um pequeno museu. Um museu de microbiología. Não temos dinheiro, economía radical, contenção de gastos, parcas verbas, restricões econômicas, etc...( toda aquela história que nós arquitetos do terceiro mundo conhecemos como ninguém). já estou triste e feliz. Dr Raw continua falando: Talvez tenhamos uma verba da FAPESP para montar um laboratorio de alto nível para que as críanças possam fazer experiências em condições profissionais ( isto é sensacional e já me seduz ). Alguns dias depois vou com a minha equipe conhecer o local no instituto Butantan. Estou torcendo para que seja num daqueles prédios antigos. Nada disso, é um bloco dos anos 70 caindo aos pedaços. Desânimo total. Alguns minutos depois começo a gostar. lvluito verde em volta. Está isolado de todos os outros blocos. Um volume baixo com proporções razoáveis. Talvez se o cercarmos com uma pele de madeira tenhamos um ótimo resultado. Pensamos também num pátio no meio da mata. Pode ficar legal. Algumas outras idéias vão surgindo com o tempo: — Um painel de vidro iluminado por trás com o código genético da Xylella, ( importante feito Científico do Brasil ) pode ter um efeito estético bem interessante. — Uma grande mesa de aco, vidro e madeira contando através de modelos a história da microbiología. — Um pequeno auditório com cadeiras coloridas.

Autor/autores

M. Kogan y Bruno Gomes

Colaboradores

O. Pessano / S. Cafardo / Diana Radomysler / Flávia Bueno / Paula Moraes / Regiane Leão / Renata Furlanetto / Suzana Glogowsky

Fecha de fin de obra:

  • 2002

Fotógrafo

-